Ouça ao Vivo
(45) 3284-1333
Você está em: Página Inicial > Notícias > Detalhes da Notícia
Vazio sanitário da soja terá escalonamento conforme as regiões do Paraná

O vazio sanitário da soja não tem mais uma data única para todas as regiões do Paraná como acontecia até a última safra.

Com vistas a respeitar os diversos microclimas e períodos mais adequados para o plantio da oleaginosa, o Ministério da Agricultura e Pecuária dividiu o Estado em três sub-regiões com datas diferentes para início do vazio e para a semeadura da soja.

Durante o vazio sanitário não é permitido cultivar, manter ou permitir a existência de plantas vivas de soja no campo.

A Agência de Defesa Agropecuária do Paraná é a responsável pela fiscalização no território paranaense e tem a missão de responsabilizar e aplicar as penalidades previstas em legislação para os produtores que não fizerem a erradicação das plantas vivas de soja durante o período do vazio sanitário.

A Portaria da Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério, estabeleceu as normas para o período. Ela foi elaborada com a colaboração de entidades representativas da agropecuária nos estados.

Na Região 1, na qual estão os municípios do Sul, Leste, Campos Gerais e Litoral paranaense, não é permitida nenhuma planta de soja no solo entre os dias 21 de junho e 19 de setembro.

A semeadura poderá ser feita no período de 20 de setembro de 2024 a 18 de janeiro de 2025.

A Região 2, que compreende a maioria dos municípios, particularmente os localizados no Norte, Noroeste, Centro-Oeste e Oeste, tem o vazio sanitário iniciado mais cedo.

Ele começa em 2 de junho e se estende até 31 de agosto.

O plantio está liberado a partir de 1º de setembro de 2024 e termina em 30 de dezembro.

A Região 3, com os municípios do Sudoeste do Estado, tem o vazio sanitário determinado para iniciar em 22 de junho, estendendo-se até 20 de setembro.

A data de plantio foi definida entre 21 de setembro e 19 de janeiro de 2025.

 

(Rádio Educadora/Com Inf. AEN)

Por | Postado em: 15/05/2024 - 15:16
Tags Populares
Tecnologia e desenvolvimento